segunda-feira, 27 de março de 2017

Livro: O último adeus




Título original: The last time we say goodbye
Autora: Cynthia Hand
Editora: DarkSide Books
Páginas: 352
Assunto: Drama


Lex é uma jovem de dezoito anos, a exatamente sete semanas sua vida mudou drasticamente, Tyler seu irmão de dezesseis anos cometeu suicídio.

Toda tragédia teve início na separação de seus pais, Lex conseguiu lidar melhor com a situação, porém com Tyler não foi assim tão fácil aceitar as mudanças.

Depois de uma tentativa frustrada de suicídio o jovem encontra outra maneira de colocar um ponto final em seu sofrimento.

Mas a realidade é que ele só transferiu esse sofrimento para sua mãe e irmã, ambas têm dificuldade de seguir em frente, sentindo-se culpadas por não terem ajudado quem tanto amavam.

E lá estava a carta de suicídio, se curtas palavras rabiscadas em um Post-it colado em um espelho, pode receber esse nome. Ali estavam as últimas palavras de Tyler:

"Desculpa, mãe, mas eu estava muito vazio."

Desesperada por encontrar um caminho, porém relutante, Alexis decide seguir o conselho de seu terapeuta, escrever um diário, colocar todos seus sentimentos, medos e angustias no papel.

Seria esse o caminho correto para amenizar a dor? Como isso ajudaria no fato dela não estar presente quando o irmão mais precisou? O diário trará o irmão de volta para que ela possa dar um último adeus?

"Por que alguém como meu irmão, de quem todo mundo gostava, que era bonito, engraçado e popular, achava que sua vida era tão terrível a ponto de decidir acabar com ela?"

Narrado em primeira pessoa o livro intercala entre os acontecimentos vivenciados pela protagonista sete semanas após o suicídio do irmão e as anotações em seu diário.

Os sentimentos da personagem acabou sendo meus sentimentos durante toda a leitura, senti sua dor, me emocionei, chorei.

O tema abordado muitas vezes é tratado como Tabu, é pouco comentado entre os jovens, porém a forma simples que a autora escreveu sobre um tema complexo me encantou.

A trama envolvente ganha mais significado com a diagramação encantadora feita pela editora, cada detalhe, cada linha mexeu com meus sentimentos. Livro mais que aprovado.

"O perdão é confuso, Alexis, porque, no fim, tem mais a ver com você do que com a pessoa que está sendo perdoada."



- Leitura realizada para o 2° encontro do Avalon Book Club.

0 comentários:

Postar um comentário

IMPORTANTE

- Não utilize esse espaço para divulgar resenhas e promoções (existe outras maneiras de divulgar seu trabalho), comente e deixe o link do seu blog que irei visitar;

- Os comentários são muito bem vindos e importantes, pois enriquecem o conteúdo;

- Se você quer receber a resposta por e-mail, assine com a sua Conta do Google e marque a caixa "Notifique-me".